Durante a infância é normal que os dentes de leite comecem a ficar moles e prestes a cair, e com isso, muitos pais e crianças começam a enfrentar uma fase difícil, na qual a criança passa a apresentar medo e a recusar-se a arrancar o dente de leite.

Pode parecer uma atividade simples, mas arrancar o dente de leite pode não ser tão simples, e precisa de algumas técnicas. A forma com que o dente é puxado pode fazer com que ele se quebre e acabe ficando com pedaços presos na gengiva, por isso, ao arrancar um dente direcione-o para fora da boca.

Considerando alguns cuidados que devem ser tomados ao arrancar um dente, dentre eles ter as mãos bem higienizadas, algumas formas de arrancar o dente de leite podem ser ainda mais prejudiciais, como arrancar o dente sem a permissão da criança, amarrar o dente mole em uma porta e fechá-la.

Dicas que podem auxiliar na hora de arrancar o dente de leite

A seguir, separamos algumas dicas para você que já teve problemas nesse início da troca dos dentes de leite do seu filho, ou para quem ainda está prestes a entrar nessa fase e não sabe muito bem como lidar.

·         Encoraje a criança a não ter medo

Arrancar o primeiro dente de leite pode ser um tanto quanto assustador para uma criança, por isso, é importante que você explique para ela o motivo de seu dente estar mole e a necessidade de arrancá-lo para que um novo dente possa vir a nascer.

Explicar que arrancar o dente pode fazer com que saia uma pequena quantidade de sangue, e fazer com que ela compreenda que isso não é motivo pra que ela se preocupe, também é fundamental, pois, o sangue na maioria das vezes é associado a machucados e a dor.

·         Incentive a criança para que ela mesma arranque o dente de leite

Peça para a criança massagear a área da gengiva próxima ao dente que está mole. Essa pode ser uma forma dela se acostumar com o pequeno desconforto de movimentar o dente mole e de encorajá-la a arrancar o próprio dente.

Quando a própria criança arranca o dente, você ensina ela a vencer seus medos e a incentiva para repetir isso com os próximos dentes que ainda cairão.

·         Utilize pomadas anestésicas

O uso de pomadas anestésicas também é uma alternativa para que a criança sinta um pouco menos o desconforto de arrancar o dente, deixando-a mais tranqüila e segura.

Esse tipo de pomada pode ser encontrada facilmente em farmácias, e costumam ser pomadas anestésicas para boca, receitadas por médicos e dentistas.

·         Reconheça os limites da criança

Existem crianças que facilmente vencerão o medo e conseguirão elas mesmas arrancar o dente de leite, ou outras que talvez permitam que os pais ou outro adulto arranque o dente. Esses dois grupos de crianças constituem a grande maioria, porém, não representam o todo.

Precisamos reconhecer que algumas crianças sofrerão mais para arrancar o dente em casa, demonstrando-se resistente em deixar que alguém coloque a mão em sua boca.

Por isso, respeitar o limite dessas crianças também é muito importante, e será uma forma de evitar grandes momentos de estresse desnecessário para os pais e de possíveis traumas para a criança.

Visando respeitar essas crianças e encontrar uma forma de que arrancar o dente de leite seja menos difícil para elas, elaboramos a próxima dica a ser apresentada.

·         Procure um dentista

Arrancar o dente de leite não deve e nem precisa ser fonte de estresse para pais e crianças, por isso, uma alternativa a se considerar é procurar um dentista. Profissionais dentistas estão mais acostumados a lidarem com esse tipo de situação, e por isso, podem convencer a criança com mais facilidade e utilizando do lúdico.

Procurar um dentista garante ainda as condições mais adequadas de higiene para arrancar o dente.

Aproveite a infância do seu filho, e faça do momento de troca dos dentes mais um momento especial, sem estresse ou traumas para a criança e para os pais. Lembre-se que arrancar o dente de leite pode ser mais fácil quando você respeita os limites da criança e busca auxílio com profissionais da área.

Muitos sorrisos J

Dra. Letícia Ferreira S. R.

Endodontista

CROMG37150